Artigo

Campanha pelo Voto Responsável

Paulo Cezar Ribeiro da Silva
Mestre em Administração - FGV/RJ e Coordenador da Empresa Júnior FABAVI Vitória



Não é mais possível conceber a atuação poltica - que é a base de sustentação de qualquer projeto de desenvolvimento - sem princípios e valores como a ética, a dignidade, a responsabilidade, o espírito público e o respeito pelo bem comum.

Vivemos um momento histórico que exige de todos nós eleitores capixabas um salto qualitativo em termos de participação. Estamos sendo chamados a assumir plena­mente a nossa condição de cidadãos, o que significa atuar também como agentes políticos. É movida por este propósito que a Faculdade Doctum de Vitória, sob a coordenação dos alunos veteranos da Empresa Júnior EJFV, lançou no dia 14 de fevereiro às 19 horas, a campanha "PLANTANDO ESPERANÇA: VOCÊ TEM A SEMENTE, O VOTO!".

A campanha pelo voto responsável e contra a corrupção faz parte do projeto TROTE DA CIDADANIA 2012 para a integração dos alunos calouros dos cursos de Administração, Direito e Pedagogia no início deste semestre letivo. Baseada na defesa intransigente da democracia e das nossas instituições repu­blicanas, esta ação de cidadania é propositiva e apartidária e tem como objetivo a aglutinação de forças da sociedade, visando o aprimoramento da maneira de fazer política no Espírito Santo e no Brasil.

Nos dias de hoje, o Estado Democrático de Direito continua sendo desrespeitado no nosso Estado e em outras partes do país. As instituiçes estão sendo aparelhadas, corrompidas e aviltadas pela corrupção desenfreada resultante da perversão da poltica.

Isso não pode continuar porque, além de consagrar a impu­nidade (criando uma espécie de "terra sem lei"), vai acabar aumentando a insegurança jurídica e jogando o país numa crise institucional sem precedentes, com péssimas consequências para a atividade produtiva e para o desenvolvimento. Além disso, temos perspectivas sombrias em relação ao incentivo financeiro do FUNDAP e também o impasse da distribuição dos royalties do petróleo que podem sugar do Estado volume expressivo de recursos de seu orçamento.

Mas, para que esta situação insustentável não continue, são necessárias duas iniciativas:

- Votar responsavelmente, escolhendo bem os nossos candidatos e exigindo o seu compromisso teórico e prático com a ética na política, com a defesa da democracia e com a promoção do desenvolvimento; e

- Fiscalizar e influir no comportamento dos eleitos.Ou seja, é necessário que assumamos de uma vez e exerçamos para valer a nossa responsabilidade política.

Neste momento, estamos apenas plantando a esperança, através desta campanha cidadã, para influir positivamente no processo eleitoral de 2012. O propósito fundamental é a conscientização dos eleitores, a sensibilização das autoridades e exigir dos candidatos o compromisso com o Voto Responsável e com uma Agenda Estratégica para os municípios do Estado. Junte-se você também a essa iniciativa!






(c) 2009-2013. Transparência Capixaba - Todos os direitos reservados. Porto - Internet de Resultados.
Porto - Internet de Resultados